Roubar ou não roubar


Quando você quer uma calça jeans da moda, você vai a loja e compra ou você simplesmente rouba?

Quando você acaba de pagar a 10ª e última prestação da sua máquina de lavar roupa, você respira aliviado, pensando: “Ufa, finalmente! Minha consciência está tranquila, não devo nada a ninguém.”

O que leva, então, uma pessoa a comprar um computador do programa “Computador para Todos”, do governo federal, que vem com Linux instalado de fábrica e na hora seguinte, levá-lo a um garoto metido a técnico para que, por 10 reais seja instalado o windows pirata (roubado)?

O computador vendido na loja já vem completo e TOTALMENTE funcional, como todos os aplicativos (programas) que 99% da população precisa. E tudo isso legal, dentro da lei. (Nem preciso dizer que é software livre, mas isso não vem ao caso agora).

Porque, então uma pessoa joga fora tudo isso e instala programas piratas no computador, o que, além de a tornar criminosa, ainda pode trazer danos à sua máquina, deixando-a suscetível a vírus e outras desgraças que o mundo windows faz o favor de trazer até você?

Desculpa esfarrapada

Muitos vêm com a desculpa que fazem isso porque estão acostumadas com o windows. Acho que isso não é desculpa para cometer um crime. (Crime no sentido da lei e o crime que você vai fazer com a coitada da sua máquina, que estava toda feliz na loja).

Seus problemas acabaram

Para acabar com essa desculpa esfarrapada acima, faça um curso de linux.

Você nasceu sabendo windows? Depois de 10 anos usando windows, o que o faz pensar que em 10 minutos[1] você vai aprender o linux? Por mais que o linux seja fácil de usar, ele não é windows. Portanto tem suas diferenças.

Tem lojas por aí que oferecem curso de linux gratuito ao comprar um computador (desktop ou laptop) com linux. Aproveite. Compre nessas lojas.

[1] – Tempo que o usuário leva para ligar o recém-comprado computador, perceber que não tem o botão Iniciar e que o sistema é diferente daquele outro que ele aprendeu na escola há 10 anos atrás.

Finalizando

Se você nunca usou computador na vida, fique tranquilo(a). Linux é mais fácil que windows.

Há uma dificuldade, resistência natural, de quem já usa windows há algum tempo mudar para o linux (ou qualquer outro sistema operacional).

Em todas as áreas da vida uma mudança de conceito não é muito bem vista pelo ser humano, não seria diferente na informática, na área de sistemas operacionais.

Dê uma chance a si mesmo. Livre-se desse peso na consciência. Seja livre. Abra os olhos para este outro mundo que lhe espera. Liberte-se!

14 thoughts on “Roubar ou não roubar”

  1. cê tá totalmente certo que as pessoas podem muito bem usar o micro com linux ao invés de instalar o windows. Afinal, quem não sabe usar computador, não sabe usar windows nem linux. Então o aprendizado começa do zero. Mas quer saber de uma coisa? Deixa de ser xita, caxias, carola meu? Se foda, meu! Eu uso linux, não porque é livre, ou comunista, ou esquerdista, ou politicamente correto com sua licença do magnânimo mestre abobado GNU/Richard_Stallman. Uso porque acho mais seguro, estável, e porque é divertido! Sim, é divertido ler manpages, documentações, penar para implementar algum tipo de servidor, me obriga a estar sempre lendo e aprendendo e não porque é OHH livre, OHHH é a filosofia mais linda e perfeita do mundo, etc. Eu é que não me rogo de usar software proprietário, seja no windows ou no linux, e o diabo que eu vou pagar por software! É que nem mp3: OU VAI ME DIZER QUE VOCÊ NÃO BAIXA MP3 nos soulseek ou p2p da vida, ohh porque é ilegal, ohh porque estás roubando as gravadoras e os artistas, OHH PORQUE VOCÊ ESTÁ COMENTENDO UM – NOSSA – CRIME E A PARTIR DE AGORA É UM CRIMINOSO? (aliás, a grana de um cd vai toda pra gravadora e pouca coisa para o artista, que é quem realmente merece ficar rico). Esses teus argumentos são muito \

  2. Esses seus argumentos são muito clichê. Que roubar uma ova, que crime uma ova, que criminoso uma ova. O usuário caseiro não comete isso. “AHh mas existe uma lei”. Cara, existem mais coisas além do céu e a terra – e as leis – que você possa compreender. Uma pessoa, homeuser, que instala um windows pirata em casa, não é um criminoso. Criminoso é quem vende software pirata. É como o traficante de drogas (alias você sabia que usuário não é mais criminoso?). Então usar linux sim, mas não por causa destes teus argumentos politicamente corretos (apesar de concordar que eles estão CORRETOS já que são politicamente corretos), mas eu já não agüento mais ouvir falar nessa PAPAGAIADA. Essa modinha de politicamente correto está fazendo do mundo um lugar bem mais chato de se viver. Relaxa !

  3. Certas pessoas deviam estar chupando o p… do Bill Gates ao invez de estarem perdendo seu tempo em sites de pessoas sérias.
    Concorco com o post, as pessoas são mto imediatistas e ignorantes;
    Dai qd elas não conseguem ter argumentos o sulficientes partem pra agressão, seja fisica, seja verbal;

    Linux for human beings!

  4. Crime, é sim. Mas a comparação com roubar uma calça jeans está errada! *Não* é a mesma coisa, nem eticamente nem legalmente.

    A noção de propriedade de objetos é muito diferente da noção de propriedade intelectual, na própria lei brasileira. Objetos são limitados (não é possível duas pessoas vestirem a mesma calça) e a replicação deles tem um custo considerável, e é daí que vem a idéia “natural” de propriedade dos objetos. Essa noção não tem paralelo na propriedade intelectual, e ao invés dela se busca “estimular” a produção cultural/científica fornecendo exploração exclusiva por um tempo limitado àqueles que a produziu. Pra você ter uma idéia, a propriedade física é “pra sempre” (sendo inclusive passada via herança), enquanto a propriedade intelectual não pode ser pra sempre (seja copyright, seja patentes).

    Claro que é importante manter o usuário usando Linux. Mas não com esse tipo de raciocinio, que estimula uma forma de pensar totalmente contrária ao Linux e Software Livre em geral.

  5. Perfeito as colocações do autor. Acredito que com o apoio de grandes organizações, como faculdades e bancos que estão migrando para os softwares livres, todos acabaremos adotando tambem esses softwares.
    Eu decidi mudar imediatamente para o LINYX UBUNTU, sistema adotado pelo Banco do Brasil, onde trabalho, mas não estou conseguindo o CD de instalação. Vcs poderiam me ajudar?

  6. Nossa como um artigo pode deixar pessoas com tanta raiva… Não sou um expert no assunto mais acho que hoje infelizmente o windows ainda é mais pratico e compativel com os hardwares e softwares do mercado mundial… Eu adoro o ubuntu, sou fã do linux e de suas teorias… Mais tenho um windows original rodando no meu desktop para coisas que não estão disponiveis no linux. Como disse o nosso amigo o linux te da vontade de estudar, aprender e a felicidade de fazer rodar algo nele é muito grande… Não podemos é agredir um usuario que prefere o windows… Eu ando de palio pq não gosto do celta e pq não tenho grana p/ andar de porche… Mais gosto muito do meu paliozim… Então é uma opnião minha e não quero tirar a opnião de outras pessoas não… Mais o tal do ubuntu é show de bola mesmo…

  7. A dura realidade é que tudo que é feito para windows roda mais rápido, é muito mais fácil de instatalr e configurar e ainda é milhares de vezes mais eficaz. Vai ser difícil convencer as pessoas com a baixa qualidade do SL que a gente vê por aí, que também parece ser feito só para técnicos e programadores…

  8. Liberte-se! Utilize o sistema que a maioria das empresas e pessoas usam em seus desktops e faça valher o preço que você pagou para ter um computador novinho. Instale Windows!

  9. caracules li gostei do testo e tomei um susto ao ler os comentários.
    pirataria é roubo – é furto – é sei lá o que(juridicamente falando). só sei que é errado.
    é imoral. Infelizmente o apodrecimento do carater da sociedade está insuportável.
    tenho windows pirata e estou largando (penando para aprender linux). porque estou cansado de dar desculpas esfarrapadas. Sei que essa história de software livre tem muito blá blá blá pois todo mundo tá ganhando dinheiro. Seja vendendo cd (grátis) com livros e etc.
    lógico que a grande maioria dos trabalhadores do linux é apaixonada e se doa por amor sem ganhar um tustão furado.
    Ninguém é perfeito mas ter orgulho de ser imperfeito já é demais.
    Ninguém sozinho vai mudar o mundo e tal… e tá l e só tem político ladrão e tal…
    F**a-se.
    Vou fazer o certo porque quero!

    Por fim, existem ótimas rasões para boicotar (abandonar, largar seja o que for) o windows que abusa daqueles que tem carater (ou são obrigados a ter -como empresas) cobrando muito além do absurdo por um software que depende de no mínimo mais dois outros para funcionar (antivirus e spy)e que sabe-se lá o que se esconde por trás de seus códigos fechados.
    seja por filosofia seja por questões financeiras
    políticas ou de segurança (inclusive da sua privacidade) o usuário comum deve optar pelo linux.

    nota. não só a microsoft mas as gravadoras, tvs a cabo e etc abusam cobrando absurdo daqueles que buscam o que é certo. Pois sabem que não podem competir com a pirataria e compensam abusando de quem é honesto e otário.

  10. Olha! na verdade até a Micro$oft não está preocupada com software pirara, na verdade o que interessa a ela é propagar o maior númiro possível de cópias ilegais para que mais e mais pessoas usem o SO dela e como isso manter o topo no mercado. Essa coisa de “politicamente correto” é PAPO FURADO, ninguém tá preocxupado com isso. O Linux precisa não ser mais amigável e sim feito para retardado que é o pessoal que usa Rwindows. Há muitos problemas a ser melhorado, ele precisar ser mais fácil do que já é, há ainda muita resistencia, mas quem viou o linux a 12 anos atras como eu, posso dizer que mudou muito. Não sou especialista, sou entusiasta e usuário. quer ver o LINUX crescer, aprenda como ele, evolua com ele, passe para seua amigos, veja como pode ser emplementada alguma rotina nesta plataforma, mas faça direito, faça sabendo o que está fazendo, para não ter de ouvir a celebre frase “TÁ VENDO? O LINUX É UMA M…MESMO!” Procure mostrar o melhor do linux, mas sem ser XIITA! Obrigado!

Comments are closed.